11.1k
LEITURAS

FAÇA VOCÊ MESMO

Cuidados com a higiene em animais que moram em apartamento

Revista Meu Pet

Revista Meu Pet
15/09/17

Confira dicas sobre o que fazer para ajudar seu mascote a se adaptar ao apartamento e manter-se sempre limpo


Além da adaptação ao ambiente, alguns cuidados também entram na lista dos afazeres do dono quando decide criar o pet dentro de um apartamento:



1. “Mictório” sempre limpo: a frequência da limpeza tem de ser maior para evitar que o mau cheiro se alastre pelo apartamento e até pelos corredores do prédio.

2. Pelos no chão: se eles ficarem mais visíveis, crie o hábito de varrer mais vezes na semana. Escovar bastante o pet também ajuda.

3. Corte das unhas: muitos cachorros ficam com as unhas grandes porque já não conseguem gastá-las como antes. Para não incomodar o vizinho do andar de baixo, corte ou lixe as unhas do mascote com mais frequência. Peça ajuda do seu médico veterinário de confiança ou do banhista do pet shop que você frequenta para evitar machucados.

4. Banho adaptado: se antes seu pet tomava banho no quintal, agora você vai precisar adaptar a lavanderia para a tarefa, sendo importante secá-lo bem e deixá-lo em um ambiente onde possa tomar sol. Uma alternativa é acostumá-lo a tomar banho no pet shop.

5. Menos sujo: a tendência é que em apartamento ele se suje menos. Por isso, você pode diminuir a frequência dos banhos, principalmentenos meses mais frios.


Gostou do artigo? Então receba em casa a versão impressa da Revista Meu Pet! Nela você encontra conteúdo de qualidade com dicas, sugestões e informações para manter seu bichinho de estimação sempre saudável e claro, voltado às tendências mundiais do mercado pet.


Veja mais artigos da Petiko: