6.5k
LEITURAS

COMPORTAMENTO,SAÚDE

Urina fora da caixinha

Laila Massad Ribas

Laila Massad Ribas
20/02/14

A caixa sanitária tem um significado importante para os gatos, e sua urina (leia aqui) e por isso é possível encontrar uma caixa sanitária em praticamente todas as casas onde more um gato.

Infelizmente alguns gatos não urinam na caixa de areia ou passam a urinar em outros locais depois de anos de adaptação. Esse ato é chamado de micção inapropriada ou periúria sendo um dos principais problemas comportamentais nos gatos e pode significar até abandono do bichano por parte dos proprietários.

miccao-urina

Causas

Existem duas grandes causas que devem ser consideradas quando um gato urina fora da caixa sanitária, que são: problemas de saúde ou comportamental.

Para descartar problema de saúde o animal deve sempre ser levado ao veterinário, pois os sintomas podem ser os mesmos. Obstrução de uretra, cálculo e infecção urinária são as principais causas médicas de periúria. A cistite idiopática ou intersticial é considerada um problema médico-comportamental (leia aqui).

As causas comportamentais de micção inapropriada são: marcação de território ou problemas com a caixa sanitária.

Problemas com a caixa sanitária

De uma maneira geral os gatos que apresentam problemas com a caixa urinam agachados (os castrados), cavam como se estivessem na caixa e fazem isso em qualquer lugar, podendo ser até ao lado da caixa. O volume de cada urina costuma ser normal e é comum o animal também evacuar fora da caixa nessas situações.

As principais causas são:

  • caixa pequena;
  • caixa localizada em local barulhento;
  • caixa constantemente suja;
  • pouco número de caixas na casa;
  • granulado inadequado (odor, textura);
  • trauma próximo ou dentro da caixa

Marcação de território

Nesses casos a marcação tende a ser feita em pé e em objetos ou locais específicos. O gato costuma elevar e tremer a cauda, borrifa urina de costas e em volume menor. Alguns gatos fogem à regra e podem marcar território agachados, mas são poucos. A marcação pode estar relacionada com a entrada de um membro novo na família, seja humano, canino ou felino, além de mudanças na rotina e excesso de gatos na mesma casa. Gatos machos não castrados marcam território com urina naturalmente.

A marcação de território nem sempre é feita apenas com urina. Pode ser feita com fezes ou arranhadura em excesso em objetos.

A correção desse tipo de problema costuma ser mais trabalhosa e pode exigir a presença de um especialista em comportamento animal.

Importante!

Os problemas de saúde relacionados ao trato urinário dos gatos podem causar sintomas iguais aos comportamentais, portanto em qualquer situação de periúria o animal deve ser levado ao veterinário para descartar qualquer doença antes do tratamento comportamental.

Essas informações não devem ser interpretadas como método de diagnóstico. Nunca medique seu gato sem prescrição veterinária.