Alimentação natural para gatos

Olá. Meu Benjamin está conosco a um ano e pouco.. Sempre comeu golden.. No começo filhote e agora adulto castrados.. Desde de o início percebi que ele tomava pouquíssima agua, então fiz uma fonte e ainda não achei q estava ideal.. Comecei a oferecer Saché da whiskas todos os dias.. Por ser alimento úmido.. E à alguns meses ele não come mais tanto ... percebi uma enorme falta de interesse.. Cheguei a comprar outra marca e tbem sem sucesso.. Pesquisei bastante.. Vi depoimentos e decidi fazer um pate caseiro.. Comecei com frango, cenoura, abobrinha, batata doce e uma folha de couve.. Sem muito sucesso.. Busquei as amigas gateiras e acharam que tinha muita mistura de legumes.. Decidi usar sardinha e cenoura. Pouco interesse tbsm.. Parti para o fígado de boi.. Misturei com frango, cenoura e abobrinha.. Ele está gostando bastante.. Mas vi alguns comentários que fígado em excesso pode ser prejudicial.. Alguém sabe se eh isso msm?? O q que faço gente!!?? Comida úmida eh muito importante para os gatos neh!! Com a fonte ele toma mais água.. Mas isso não tira a importância da alimentação úmida certo!? Estou preocupada pois ouvi relatos de sobrecarga de proteína no organismo.. Bom desculpe o texto enorme.. Obg bjos!! ;)

curtir 0

Minha gata rejeita a ração.

Olá pessoal, tudo bem com vocês? Estou super triste, não sei mais o que fazer, pois minha gata rejeita a ração e só come sachê. Desde que ela chegou sempre dei ração e sachê separados todo santo dia e até então ela comia os dois, mas há um bom tempo ela começou a rejeitar a ração. Sempre comprei a da Royal, depois mudei para Premier para ver se ela iria gostar e aconteceu a mesma coisa, tornei a mudar para N&D e ela continua rejeitando e só quer sachê, então para ela não morrer de fome acabo dando sachê, em quanto a ração sempre envelhece no seu pratinho. Alguém já passou por isso e sabe me dizer o que posso fazer? Detalhe: ela é super magrinha, parece ser gorda por causa dos pelos, mas com roupinha cirúrgica da até dó, só se agora que castrou ela venha a engordar.

curtir 4
  • Você já experimentou tirar o sachê completamente por um ou dois dias? Se não, tente isso deixando só a ração. Talvez funcione quando a fome apertar. Vai dar dó, mas tente não ceder.

    curtir 0
  • Tenho dois gatos que, as vezes, apresentam esse problema. No caso deles, já sei que é sinal de que precisam de fazer exames de sangue para controle da pancreatite e ou renal. Com isso, também aparecem sinais de desidratação. Daí a importância de ir a um bom veterinário. Entretanto, se o caso da sua gata for só de rejeição, e, se Deus quiser, será, tenta oferecer uma ração para filhotes - kitten - mesmo que ela seja adulta, porque são mais atraentes : bem cheirosas e mais palatáveis. Tenho feito isso e tem dado certo. Normalmente gato bebe pouca água, então, oferecer o sachê não é bom, e se ela comer também o alimento sólido além de beber o caldo do sachê, é uma refeição completa. Não se desespere, controle o peso dela e verifique com um pet se a causa dessa rejeição é sinal de um problema maior. Espero que tudo corra bem. Felicidades.

    curtir 0
  • UMA CORREÇÃO : Errei de digitação - digitei : oferecer o sachê não é bom, quando quis dizer que OFERECER O SACHÊ É BOM. Desculpe-me.

    curtir 0
  • Qual a idade da sua gatinha? Pode ser tanta coisa... Tenho uma que tem 11 anos, descobri que perdeu alguns dentinhos e isso estava dificultando a mastigação. Outra, de quatro anos, tem um paladar super exigente e rejeita vários tipos e sabores.
    Procure fazer exames parasitológicos, verificar tudo direitinho pra tentar descobrir o problema.

    curtir 0
  • Acho que vc deve procurar um veterinário(a) e leva-la para consulta e conversar a respeito, pq ficar sem comer a pequena não pode.
    É correto misturar a ração úmida com a seca, assim evita-se que solte o intestino,mas não deve ser uma prática comum, ou seja, o gato deve comer a ração seca e tê-la à sua disposição durante o dia,principalment eporque vcs ficam fora o dia todo e a ração depois que fica úmida, favorece o surgimento de fungos, ficam embolorada!
    Vc devem ir tentando outras rações ou tentar dar a sopinha em substituição à whiskas,sabor e vida depende do sache que vc dá.
    A sopinha não vai ração, e o gato deve tomar a sopinha em uma vasilha separada!
    vc pode ir testanto, colocar por exemplo vitaminas na ração seca que eles adoram, como levedo de cerveja, o próprio organnact cat.MAS COMO FALEI VÁ COM SUA GATINHA NO VETERINÁRIO(a)!Boa sorte!!
    isso tudo pra incentivar que coma a ração seca!

    curtir 0

Não quero mais ração!

olá pessoal, tenho aqui em casa uma West Terrier e ultimamente tenho andado um pouco preocupada. Cherie ta fazendo greve de fome! tenta o dia inteiro comer comida normal, insiste, late, avança pra cima quando alguém ta comendo e só come ração no ultimo segundo do dia, quando ver que é o jeito porque ninguém mais vai da comida pra ela. Uma opção da qual eu tive foi misturar o sachê da pedigree (ela ama) com a ração normal. Porém, dessa vez ela decidiu comer tudo de uma vez, passou mal e vomitou. Pensei em dá apenas o sachê normal, em determinadas partes do dia- de manhã, tarde e noite (dependendo da quantidade que a sua raça deve comer)- porém acho um pouco gorduroso e estou um pouco receosa. Ficaria muito grata caso vocês me ajudassem comentando como é feita a nutrição de seu animal e se apenas o sachê é ou não uma boa opção para substituir a ração, obrigada!

curtir 1
  • Louise, você já viu o site: cachorro verde? O Jimmy também já provou comida natural e óbvio que ele prefere. Como não tenho tempo de dar só alimentação natural acabo misturando com a ração., mas é importante se ater as quantidades, quando dou comida natural eu diminuo a ração. Espero ter ajudado.

    curtir 0
  • Olá, Louise! você já experimentou coordenar horário paras refeições? Eu somente coloco a ração dos meus cachorros no horário correto, não deixo "à disposição" o dia todo. Tentou trocar a ração? às vezes não gostam mais ou enjoaram da mesma... já aconteceu comigo e eu fiz a mudança gradativa para outra ração.
    Quando coloco o pote dar ação no horário correspondente faço muita festa para que eles venham com alegria comer! rs Para que entendam que é um momento divertido e carinhoso o comer a ração... boa sorte!! :)

    curtir 0
  • Para variar um pouquinho o cardápio da minha filha eu também dou frutinhas para ela: maçã, banana, melancia. Ela também come cenoura e talos de couve -nem sei porque ela gosta disso. Enfim, são formas de variar o cardápio dela com alimentos mais naturais e ela ama!

    curtir 0
  • Louse bom dia!

    A Ração é indiscutivelmente a melhor opção para alimentar a Cherie. Além de prático é muito mais nutritivo, seguro, saudável e melhor balanceado do que comida caseira. Quando um cão é alimentado com uma ração de alta qualidade, o risco dele ter problemas gastrointestinais, doenças nutricionais e alergias alimentares fica muito reduzido.
    Vale lembrar que a alimentação do cão muda de acordo com a fase da vida em que ela se encontra, com a raça, com o estilo de vida do cão.

    É interessante que os donos, durante as suas refeições, não deem comida para os cães, pois esse fato acaba tornando os cães "pedintes".

    Como a Cherie demonstra dificuldade na alimentação, seria interessante testar uma das alternativas:

    • Montar uma alimentação baseada em verduras, frutas, legumes e carnes. (com isso ela estaria comendo comida "normal", porém adquirindo os nutrientes necessários); ou
    • Continuar dando o sachê com a ração, e aos poucos, ir tirando o sachê gradativamente, até que a Cherie irá comer apenas a ração.

    Como este tópico é antigo, espero que já tenha solucionado o problema da "greve de fome" rsrs.

    curtir 1
  • Oi Louise, tenho uma rottweiler que tem um apetite bem enorme, mas que tem um paladar apurado. Ela adora comida em sachê, mas só dou de uma a dua vezes na semana, pois costumam ter muito sódio e conservantes. Durante 10 meses ela comeu a ração Fomula natural super premium para raças grandes que foi indicada pela veterinária, essa ração tem muitas vitaminas e minerais que deixam o pet bem saudável, alem de ter fribras e macrobióticos que ajudam na indigestão, mas ela enjoou só comia quando estava com muita fome. Daí mudei para A Cibau super premium também indicada pela veterinária, pois eu mesma pedi, porque estava ficando muito preocupada com o fato dela não querer comer.
    Mas como falei no inicio ela tem um paladar apurado e gosta de variar, então no dia a dia ela não fica presa somente a ração sempre tem uma porção de frutas e vegetais ela adora mamão, banana, maça, pera, melancia, talos de couve e brócolis, tem dias que ela não está muito afim, por isso dou só a ração mesmo, mas a banana tem que ser todo dia ela já acostumou e fica parada latindo em frente a fruteira até alguém dar uma ela.

    curtir 0

Onde colocar a comida do gato

Não é bom colocar o alimento do gato muito próximas da sua caixa de areia (o gato detesta e não é higiênico)... Alguém mais tem dicas sobre alimentação dos gatos??? Onde vocês costumam oferecer o alimento pra ele??

curtir 2
  • A comida do meu gato fica beeem longe da caixinha de areia, e também não costumo colocar lado a lado a ração e a água, se encontram no mesmo cômodo, mas um pouco separado. O meu não bebia água quando era uma vasilha pequena, mudei para vasilhas maiores que não encostam nos bigodes e tem mais de uma vasilha com água pela casa. Ah sim, coloquei a comida no local onde ele costuma dormir, e se sente seguro que é no meu quarto.

    curtir 4
  • Dos meu tbm fica longe da areia e em cima do buffet se não minha cachorra come tudo... rsrs

    curtir 0
  • A caixa de areia dos meus gatos fica bem longe de onde eles se alimentam, também vou procurar trocar os pratos deles que hoje são de plásticos por pires de vidro ou mesmo pratinhos inox pois li em um artigo que eles podem desenvolver a acne felina, alguém sabe mais alguma coisa sobre?
    Também tem água disponível em vários lugares tanto dentro quanto fora de casa :)

    curtir 0

RAÇÃO ROYAL CANIN

ALGUEM SABE DE EXPLICAR SE EU POSSO DAR MAIS DE UM MODELO DE SACHE A UM GATO?

curtir 0
  • @Lidiane-Reis Como assim? Você alimenta seu gato exclusivamente de ração úmida?

    curtir 0
  • Eu alimentava meu gato apenas com sachês, e de variadas marcas e sabores, um erro horrível! Por conta disso, passou 3 dias internado, porque passou a vomitar muito e trouxe algumas complicações. Agora, você pode da vários sachês de marcas distintas e sabores, mas é bom não dar todos os dias. E pode ter marcas que o gato não se dê muito bem, pois gatos são animais super sensíveis. Depois do susto costumo dar apenas de um sabor, de carne e não variar de marca.

    curtir 3
  • Pros meus gatos eu dou de vez em nunca e de qualquer marca, mas não dou de jeito nenhum whiskas

    curtir 0
  • Bom, no meu caso, eu dou a da Whiskas mas um pacotinho para 6 gatos, então é mesmo só para dar um gostinho na ração pois coloco um pouco de água para deixar mais aguadinha e coloco um pouquinho em cada prato.Eles adoram e não tiveram problemas creio que é por não comerem somente sachê e a ração que eles come é a Three Cats Premium para gatos castrados.

    curtir 0

Dúvida: Butiá para cães

Gostaria de saber se alguém sabe se a frutinha Butiá(sem semente) é prejudicial para cães..

curtir 0

Biscoito Caseiro

Já fiz essa receita e minha cachorrinha amou!
Todos os ingredientes podem ser consumidos tranquilamente, fiz uma pesquisa antes.
A única coisa q aconselho é não deixar durinho, principalmente se o cachorro for um idosinho, que é o caso da minha.
Fica bem gostoso, eu também aprovei... kkkkkkkk

Biscoitos de maçã com aveia

Ingredientes:

  • 1 maçã (usei 1 e 1/2)
  • 1 xícara de aveia em flocos (usei flocos finos)
  • 1 xícara de farinha de trigo integral
  • 1/2 xícara de água
  • 1 colher de sobremesa de mel
    (Coloquei um pouco de canela)

Modo de preparo:
Rale a maçã (sem sementes, pois estas podem produzir cianeto no estômago dos cães) em um ralador grosso.

Junte com os demais ingredientes e misture bem até obter uma massa homogênea.
Depois, abra com um rolo de massa, sobre um mármore com farinha de trigo. Deixe com uma altura de aproximadamente 1 cm.
Corte com cortadores de biscoito e coloque em uma assadeira.

Asse em forno médio por aproximadamente 20 minutos ou até que fiquem durinhos.

curtir 4

Como escolher a melhor ração para cachorro?

COMO ESCOLHER A MELHOR RAÇÃO PARA O MEU CACHORRO?

       Como escolher a melhor ração para cachorro? O que é uma ração super premium?

Hoje em dia quando entramos em um pet shop, encontramos uma variedade enorme de rações. Tem tanta opção, que não sabemos se há realmente diferença entre elas, que não seja apenas o preço e a embalagem. Mas não se preocupe, pois neste artigo eu vou te ajudar a esclarecer algumas das principais dúvidas sobre esse assunto.

Você tem que ter em mente que, a princípio, o seu animal deve comer apenas ração e nada mais. Mas por que isso?
A ração é um alimento completo e balanceado, composto por proteínas, vitaminas e minerais que contribuem para o desenvolvimento e manutenção da saúde do seu cachorro. Petiscos não estão proibidos, mas devem ser oferecidos em quantidades bem pequenas e jamais devem substituir uma refeição.

Por este motivo, temos que valorizar a ração que vamos dar para os nossos melhores amigos. Ela será a única fonte de nutrientes para o seu cachorro e por isso tem que ser de boa qualidade.

Comida caseira não é indicada, pois favorece o acúmulo de tártaro nos dentes (são aquelas manchas marrons escuras) e se for feita sem orientação, com certeza estará desbalanceada e pode conter ingredientes tóxicos para o cachorro (alho e cebola, por exemplo). Se for preparada de forma equilibrada e específica para o cachorro até pode ser uma opção, caso contrário, prefira a ração.

As rações úmidas, aquelas que vêm em lata ou sache, não devem ser dadas puras, substituindo as rações secas. Você até pode adicionar um pouco delas misturando com a ração seca, mas saiba que depois que você fizer isso, dificilmente seu cachorro vai aceitar comer novamente apenas a ração seca sem que seja adicionada a ração úmida.

Qualquer um aqui, já deve ter feito essa pergunta para o vendedor do pet shop:

Por que esta ração é mais cara do que esta?

Bem, por mais simples que seja essa pergunta, a resposta é bem mais complexa do que apenas um “porque sim”. Vamos lá...

        A formulação e a composição da ração variam de acordo com alguns critérios, como o porte do animal, a raça e a idade do cachorro. Sendo assim, existem 3 tipos de rações bem diferenciadas em grupos, são elas: Super Premium, Premium e Standard (padrão). É claro que existem também rações populares, mas que apesar do preço ser mais atrativo, não compensam pela falta de balanceamento dos nutrientes e qualidade dos mesmos.

Mas qual a importância do balanceamento dos nutrientes?

Só para você ter uma noção... uma ração de qualidade terá cerca de 50 tipos de nutrientes diferentes e balanceados de forma a atender as reais necessidades do cachorro.

Quais são essas necessidades?

  1. Desenvolvimento e manutenção do organismo: Os aminoácidos, minerais, oligoelementos (elementos traços), vitaminas e ácidos graxos correspondem às necessidades nutricionais básicas para a manutenção e desenvolvimento do corpo.

  2.  Fornecimento de energia: Os lipídios e carboidratos são as principais fontes de energia para os cães.
    
  3.  Nutrição e prevenção: Alguns nutrientes são incorporados ao alimento (antioxidantes, pre-bióticos, fibras, ácidos graxos essenciais, etc), para evitar riscos, como as doenças renais, problemas digestivos e os efeitos do envelhecimento.
    
  4. Nutrição e cuidado: Alguns nutrientes são adicionados e outros limitados a fim de sustentar o processo terapêutico ou de convalescença, ajudando os animais a se recuperarem de uma série de doenças.

Portanto, se você comprar uma ração de baixa qualidade, estará privando o seu animal de determinados nutrientes que farão falta a ele e, consequentemente, o deixará mais susceptível a doenças e desnutrição.

Tudo bem, mas até agora eu não entendi a real diferença de uma ração Super Premium para uma Standard, você deve estar se perguntando.

As rações Super Premium são feitas com nutrientes de qualidade superior. Por exemplo, a proteína utilizada será de partes nobres e não de pena, osso (que são menos absorvidas pelo organismo). Além disso, incluem aditivos incorporados ao alimento, como já citados acima, que normalmente não estão presentes em rações da linha Standard.
Estas rações também não contém corantes e algumas contém conservantes naturais, o que torna o alimento com menos química, ou seja, menos prejudicial à saúde do animal à longo prazo.

Outro ponto importante é que as rações Super Premium costumam apresentar tipos bastante específicos para determinadas raças que, conhecidamente, precisam de um cuidado maior. Também apresentam tipos específicos para animais de treinamento e competição. A diferença também é vista no tamanho dos grãos da ração, pois está de acordo com o porte do animal. Já imaginou um cachorro adulto que pesa 1 quilo comendo grãos de 2 cm de tamanho? Fica difícil para ele, concorda?

É claro que nem todo mundo pode arcar com os custos dessas rações, que tem motivo para serem mais caras. Mas nem por isso, você deve dar qualquer coisa para o seu cachorro.

As rações Premium possuem nutrientes de menor qualidade que as super Premium, mas também podem possuir aditivos, como pro-bióticos, ômega 3 e 6. Preste atenção, pois algumas rações Premium possuem corantes e conservantes. Prefira aquelas que não possuam, pois já é sabido que muitos destes corantes e conservantes são cancerígenos.

As rações Standard, são consideradas rações de qualidade razoável, pois suprem as necessidades básicas que um cachorro precisa para viver, mas sem apresentar os benefícios adicionais das rações Premium e super Premium.

Evitem dar rações de padrão abaixo do mediano (Standard), pois seu animal estará com falta de nutrientes adequados e isso é percebido na pelagem do cachorro, no peso, na fragilidade que este cachorro terá para contrair doenças e até mesmo na quantidade de fezes que ele irá produzir (muito grande).
Rações de boa qualidade fazem com que o animal absorva melhor os nutrientes e consequentemente geram menos resíduos para serem eliminados (fezes).

Segue aqui uma lista das principais marcas e suas categorias:

Super Premium (ordem alfabética)

  • Cibau
  • Eukanuba
  • Guabi Natural
  • Hills
  • Match Super Premium
  • Natural & Delicious
  • Nutro Choice
  • Ossobuco
  • Premier Pet
  • Pro Plan
  • Royal Canin

Premium (ordem alfabética)

  • Faro (Guabi)
  • Golden
  • Pedigree
  • Premium Dog
  • Tutano

Standard (ordem alfabética)

  • Bonzo
  • Croc Dog
  • Frolic
  • Herói
  • Pedigree Champ

Não comprem rações que sejam vendidas a varejo, aquelas que ficam nos sacos ou latões abertos. Mesmo que o dono da loja (normalmente casas de ração) diga que mantém o saco fechado, ou o latão com tampa, você nunca saberá há quanto tempo aquela ração está lá, exposta à umidade, moscas (e até ratos!).

Bem, é claro que eu vou sempre indicar as rações super Premium, pois sei de todas as suas vantagens para os cachorros. Mas se você não pode bancar isso por toda a vida do seu cachorro, indico que pelo menos no primeiro ano de vida dele, se dê rações de alta qualidade. Neste momento de desenvolvimento do filhote até a idade adulta (média de 1 ano) é fundamental que ele seja bem nutrido para crescer saudável.

Outra questão importante em relação à alimentação dos nossos cães é a quantidade de ração e de vezes que ele deve comer por dia.

curtir 8
  • A ração aqui do Floquinho é Royal Canin desde filhote.

    curtir 2
  • Tenho dificuldade em me acustumar com a quantidade,no pacote diz q para um cão filhote de 5kilos deve comer 180g por dia,acho pouco para dividir em 4vezes.ele tem 3 meses e é esfomeado e como ainda não pode sair.ele começou a comer dog chow papita!!!

    curtir 1
  • Eu dou 1 xícara por dia (÷ em 2 vezes). Uso aquele medidor vendido na cobasi.

    curtir 0
  • As minhas comem a ração naturalis. Sera que essa ração tem todos os nutrientes?

    curtir 0
  • Eu sempre dou preferência pelas Super Premium e naturais...
    Minha Dachshund come Guabi Natural filhotes indoor, e estou bem satisfeita.
    Outra que acho muito boa é a Biofresh que tenho vontade de experimentar...

    curtir 0

Alimentação Felina - Segredos de uma dieta completa e saudável

erros-alimentacao-gatos-.jpg

curtir 1

Alimentação Felina - Segredos de uma dieta completa e saudável

A alimentação felina é uma preocupação constante na vida daqueles que tem um gatinho como parte da família e, assim como outros tipos de pet, os bichanos também precisam de atenção especial no preparo de suas refeições. Para garantir que os gatos de estimação recebam todos os nutrientes que necessitam, os proprietários devem ser bastante criteriosos na escolha dos produtos que farão parte da sua dieta, já que este tipo de cuidado pode ser um importante aliado na prevenção do envelhecimento precoce do animal.

Muito se discute sobre o tipo de alimentação felina ideal e, enquanto muitos acreditam que apenas rações e produtos industrializados devem ser usados para alimentar os gatos; outros creem que os ingredientes naturais e as comidas caseiras são a melhor forma de manter a nutrição dos bichanos em dia. Na realidade, ambas as visões contam com pontos positivos e negativos, entretanto, a definição de um meio-termo nessa questão pode ser a melhor solução para o seu animal – que recebe o melhor de cada um dos tipos de alimento.

alimentacao-felina

Carnívoros e caçadores natos, os gatos que vivem na natureza estão sempre em busca de uma nova presa para se aliementar, e tiram delas a quantidade necessária de nutrientes para se manterem ativos – sendo que a base da dieta dos bichanos selvagens destaca as proteínas. No entanto, os felinos domésticos levam uma vida e uma alimentação muito distante desse cenário e, para que possam permanecer saudáveis, devem receber de seus donos uma combinação devidamente balanceada de carboidratos, gordura e proteínas.

curtir 2

Verduras e legumes para cães

Alguns podem achar estranho um cachorro comer verduras e legumes. Mas, assim como as frutas, verduras e legumes podem fazer bem ao cachorro. Muitos donos de cães são adeptos da alimentação natural, que consiste em trocar a ração por comida. A dieta é feita por um veterinário/nutricionista e tem a quantidade perfeita de todas as vitaminas, proteínas e carboidratos que seu cão precisa.

Ressaltamos que o ideal é que as verduras e os legumes sejam cozidos antes de serem oferecidos aos cães, pois isso ajuda na digestão.

Lembrando que nem todo cachorro vai se interessar por esses alimentos, tem cachorro que não vai gostar de nenhum, outros vão gostar de todos e alguns vão gostar de uma coisa ou outra.

Observações:
– Os legumes precisam ser oferecidos cozidos ou triturados até virarem um “purê” a fim de serem melhor digeridos;
– Batatas, mandioquinhas, inhames, carás e afins devem sempre ser cozidos;
– Folhas verdes devem sempre ser trituradas ou não serão digeridas;
– Os demais legumes podem ser triturados ou cozidos, veja como seu cachorro prefere e como fica mais fácil para você.

Vamos à lista do que o seu cachorro pode comer:

abobrinha
abóbora / jerimum
aspargos
batata
batata-doce
batata-inglesa (comum)
batata-yacon
berinjela
beterraba
brócolis
cará
cenoura
chuchú
couve-flor
couve manteiga
ervilha fresca (não em conserva)
ervilha-torta
espinafre
inhame
jiló
mandioquinha / baroa / batata salsa
mandioca / aipim / macaxeira
manjericão
nabo
palmito
pimentão (todas as cores)
quiabo
rabanete
salsinha
tomate
vagem

curtir 13

Como fazer o cão comer mais devagar

Alguns cães comem rápido demais, porém normalmente isso não significa fome, mas sim um comportamento obsessivo em torno da comida. Uma questão psicológica que o faz comer rápido demais, seja por instinto (para que um “concorrente” não pegue a comida dele) ou por ansiedade.

Comer muito rápido pode gerar vários problemas na saúde do cachorro, como:

– gases
– vômitos logo após comer
– má digestão

  1. Evite ambientes conturbados
    Ambientes muito agitados com muita circulação de pessoas fazem com que o cão fique mais ansioso e acabe comendo mais rapidamente.

  2. Separe os cães
    Se você tiver mais de um cachorro, dê a comida em ambientes separados.

  3. Não recompense ansiedade
    Se na hora de colocar a ração no pote você notar que seu cão está pulando, agitado ou latindo, não dê a comida pra ele se acalmar. Em vez disso, espere que ele se acalme sozinho (por exemplo, se sente em frente à você pra esperar a comida) e só então dê o pote pra ele.

  4. Não torne a hora da comida um grande momento
    Na hora da refeição, apenas pegue o pote, coloque a comida e ofereça ao cão. Quando você faz uma grande festa, usa outro tom de voz ou se agita, o cão fica ainda mais ansioso.

  5. Divida a refeição em 2 ou 3
    Em vez de dar apenas 1 vez por dia, divida a porção e ofereça a mesma quantidade diária em porções menores, por exemplo, de manhã e à noite. Assim você evita que ele esteja faminto na hora de comer.

  6. Use um comedouro lento
    O comedouro lento é uma ótima invenção para aqueles cães que comem muito rápido. Como ele distribui a ração, o cão precisa desviar dos “obstáculos” pra conseguir pegar a comida, o que faz com que o momento da refeição fique mais calmo e devagar.

curtir 10

Alimentação de gatos.

Olá! Bom,eu adotei uma gatinha de rua e venho alimentando ela com sachês de whiskas,e às vezes acabo dando comidas normais sem tempero(arroz,carne cozida,legumes cozidos),e agora eu comprei um saco de ração seca de whiskas também.. eu notei que ela gostou muito de todas as opções,mas eu me preocupo com o que é melhor para ela. O que vocês recomendam? Eu não sei muito sobre gatos e peço ajuda a vocês quanto à alimentação dela.

curtir 2
  • Ah! E ela aparenta ser meio filhote,meio crescida..Não sei ao certo a idade dela

    curtir 0
  • A ração úmida de Whiskas pode dar. Agora a ração seca da Whiskas está relacionada com vários casos de problemas renais e a orientação é não dar Whiskas nunca! Ela tem um valor muito alto de sódio. Muitos vets não recomendam. Agora o sachê/patê está liberado.

    Para a alimentação também que levar em conta se a gatinha é castrada ou não, o tipo de pelagem, entre vários fatores... Mas para ser bem generalista, marcas boas de ração seca são Matisse, Gran Plus e Golden.

    Whiskas tem 6.000mg/kg de sódio, enquanto Matisse tem 2,500mg/kg, Gran Pluss 3,500mg/kg e Golden tem 2.000mg/kg

    Eu aqui em casa optei por Matisse Filhotes para meus bebês!

    curtir 2
  • Nossa! Me espantei aqui com o sódio. Poxa,ela acabou sumindo =/ , eu não moro sozinha e nem todos da casa concordaram em deixar ela dormir dentro de casa sem vacinar.. Hoje eu tinha planejado levar ela para castrar e vacinar,porém ela sumiu,só tenho visto o gato pai e a mae dela :(
    Enfim,espero que se alguém quis adotar ela,que cuide muito bem e se possível quero muito encontrar ela,estou fazendo de tudo pra isso.Obrigada pela resposta,querida.

    curtir 0

Gato pode comer atum?

Olá pessoal, essa é uma dúvida comum. Felinos adoram peixe, e por consequência atum. Mas alimentar nossos gatos com atum regularmente pode ser um enorme problema!!! Vejam os motivos:

1- Sódio:
Muitos atuns enlatados possuem alto teor de sódio, e o sódio em excesso pode agravar doenças do trato urinário. Além de geralmente conterem condimentos, ou excesso de óleos.

2- Não nutritivo:
O atum enlatado possui baixos níveis de vitamina E, e não é muito nutritivo aos gatos. Algumas pessoas fazem um mix de atum sem óleo com ração MODERADAMENTE, como uma refeição gourmet para seus felinos.

3- Mercúrio:
O peixe geralmente tem mercúrio nele. A quantidade depende das condições da água e a localização do peixe. O mercúrio acumula com o tempo, e dar atum ao seu gato regularmente podem levar à intoxicação por mercúrio.

4- Estatite:
A esteatite é uma dolorosa doença intestinal felina. Uma causa da esteatite é o consumo de peixe com alto teor de ácidos graxos não saturados, como o atum.

5- Mau hálito:
Esse é mais tranquilo, mas o consumo de atum causa mau hálito =P

curtir 5
  • Dou sardinha com ração pra Lóris vez ou outra. Melhor parar então??

    curtir 0
  • Olá @ana-paula-pipe .
    Depende de qual é a sardinha. É fresca, enlatada, com óleo, temperada com sabor tomate, etc..., ?

    O ideal é que seja fresca, ou que seja própria para gatos, como uma ração úmida por ex.

    curtir 3
  • Ai, é enlatada com molho de tomate. Ela adora. Se faz mal, vou parar. Tenho pavor dela ficar doente. Ainda mais por minha culpa.

    curtir 0

Alimentação dos Gatos!

Qual ração você costuma oferecer para os seus gatos?

Já ouvi falar que da marca Whiskas que só salva a ração úmida, pois a seca tem muito sódio e causa problemas horríveis de saúde.

Outra vez também comentaram que é preferível dar enlatados ao invés de sachê.

Gatos castrados precisam de ração própria uma vez que correm o risco de ficarem obesos com a ração normal.

Entre outras coisas...

Sou gateira de primeira viagem, meu bebê chega em outubro! Mas aqui preparei com a ração Matisse para filhotes (encontrei mais barata que a Golden no Cobasi) e alguns sachês de Whiskas. O que vocês oferecem?

curtir 4
  • Olá @Lucia-Bonito tudo bem? Eu também fui gateiro de primeira viagem. Acho que o mais importante é ter em mente que seu gato precisa ter uma alimentação equilibrada entre rações secas e úmidas. Se vc só alimentar com a seca, há a possibilidade de causar uma infecção de urina, e só com a úmida em alguns casos dá diarréia. O ideal é balancear entre ambas. Algumas dicas:

    1- Evite rações coloridas
    2- Utilize a ração correta para a idade
    3- Respeite o tipo para castrados e não castrados
    4- Busque sempre alimentos de qualidade premium e super

    curtir 1
  • Olha só, não sabia dessa relação de ração seca com infecção de urina.

    Qual seria a indicação da frequência de ambas (seca e úmida) ?

    curtir 0
  • curtir 2
  • Obrigada Rodrigo!! Adorei o artigo, bem explicativo!

    curtir 2

Rações - Quais as diferenças?

O cão é um animal que tem carências nutricionais diferentes das nossas, por isso sua dieta deve ser direcionada a atender essas necessidades. Quando alimentamos os cães com comida caseira, na grande maioria das vezes (quase sempre), não promovemos uma nutrição adequada. Por mais “sem graça” que possa parecer, a ração é, nesta maioria dos casos, a melhor opção. Por quê?

Podemos dar alguns argumentos favoráveis ao uso de ração ao invés de comida caseira:

  1. NECESSIDADES DO CÃO – Por mais variada que seja a comida do Rex, não conseguimos oferecer-lhe uma dieta completa e balanceada. Mesmo dando carne, legumes e ovos, ainda assim não conseguimos balancear esta ração; e macarrão, arroz e fubá não são comida de cachorro.

  2. A PRATICIDADE – Hoje em dia poucas pessoas têm tempo para fazer seu próprio almoço, muito menos a comida do cachorro. Para comprovar, basta-se observar que as vendas de comida congelada e desidratada têm aumentado de maneira significativa.

  3. O CUSTO – Se colocarmos na ponta do lápis a despesa na elaboração de uma dieta para um cão, com: carne, ovos, legumes, complementos vitamínicos e minerais, e o trabalho que teremos adicionando cada ingrediente na medida certa para equilibrá-la. Comparado ao custo diário da alimentação a base de ração. Sem dúvida, a opção mais econômica será a ração (mesmo se esta for uma super-premium importada).

Hoje, muitas pessoas estão fornecendo a Alimentação Natural, que é uma ótima opção para substituir a ração. Na alimentação natural, não basta dar comida caseira pro cachorro. Existe todo um estudo de nutrientes para que o organismo do cão não sinta falta de nada e há profissionais nutricionistas que auxiliam os proprietários a balancear a dieta do cão. A AN (Alimentação Natural) é tida como mais saudável que a ração e diz-se que os cães tendem a ficar com mais saúde e com menos problemas de pele e alergia quando comem AN. Porém, é preciso o acompanhamento de um nutricionista veterinário e é preciso dispor de bastante espaço no freezer para congelar as porções.

alimentacao naturalAlimentação Natural é uma excelente opção, mas deve ser acompanhada por um nutricionista.

Qual ração é melhor

qual a melhor raçãoNo Brasil, hoje, temos diversos tipos de ração com qualidades diferentes. Para facilitar o entendimento, vamos classificá-los em três grupos. As Super Premium tem melhor qualidade, mas cada cão irá se adaptar a uma ração diferente, não tem regra.

Rações Populares
São produtos mais baratos que existem no comércio. Normalmente, formuladas com subprodutos de milho, soja, farelo de algodão, etc. Tais ingredientes na ração de uma vaca, ou de um cavalo, seriam de excelente digestão, mas, voltando àquela historinha, nosso amigo é um carnívoro e precisa de proteína de origem animal, pronta a ser assimilada pelo seu organismo. Normalmente vende à granel (por peso) em feiras e mercearias. Não são recomendadas.

OBS.: Os vegetarianos de quatro patas têm a capacidade de transformar proteínas e carboidratos de baixa qualidade em “produtos mais nobres”. Os cães e gatos precisam dos produtos nobres já prontos.

Rações “Standard”
São produtos de empresas de renome, na maioria das vezes, buscam através da mídia uma fatia maior do mercado consumidor. Por serem produtos de empresas maiores, têm um compromisso maior com a sua qualidade e são formuladas com ingredientes qualitativamente melhores que as rações populares. Contêm farinha de carne e ossos, glúten de milho, gordura animal, etc. Porém ainda não são “ideais” quanto à digestibilidade, porque se alcança o percentual de proteína com ingredientes de menor digestibilidade como a soja ou o glúten. Quanto ao custo, estão numa faixa intermediária de preços.

Marcas de ração Standard
– Alpo
– Biriba
– Big Boss
– Champ
– Deli Dog
– Dog Show
– Herói
– Kanina
– Frolic
– Líder
– Nero
– Pitty

Rações Premium e Super Premium
São produtos de primeira qualidade, em nutrição canina, por isso mais caros. Têm sua formulação baseada em carne de frango, ovelha, peru… Porém, realmente carne, ou resíduos de abatedouro, como digestas de frango por exemplo. Tais ingredientes, de origem animal, têm maior digestibilidade, ou seja, o trato digestivo canino tem menos “trabalho” para metabolizá-los. Esta é outra característica das rações premium, como a digestibilidade é maior, o consumo diário de ração é menor (o que ameniza o preço da ração). Promovem, ainda, uma vida mais saudável. e reduzem o volume das fezes do animal.

Marcas de ração Premium
– Baw Waw
– BomGuy
– Dog Chow
– Excellence
– Ecopet
– Foster
– Gran Plus
– K&S
– Max
– Naturalis
– Pedigree
– Sabor e Vida
– Vitalcan
– Vitta Natural

As Rações Super Premium são assim classificadas a partir de um certo percentual de digestibilidade, o que pode variar de acordo com os interesses dos fabricantes, pois não há um “padrão” neste sentido. Como consumidor, para saber se a ração é de alta digestibilidade, ou não, basta analisar na embalagem os ingredientes que compõem a ração. As fontes proteicas devem ser de origem animal (carne de frango, carne de peru, digestas de frango, carne de ovelha, ovos, etc.). E as fontes de gordura também, ou pelo menos óleos vegetais nobres como, por exemplo, óleo de linhaça. Fontes proteicas vegetais como soja, glúten, etc. não têm alta digestibilidade. É bom desconfiar de produtos que têm em sua relação de componentes coisas como “carne de aves” (urubú também é ave / e de que parte da ave estão falando? Pena e bico são proteína pura e de baixíssima digestibilidade). O que pode aumentar a digestibilidade da ração é a presença de fibras de moderada fermentação (p.ex. polpa de beterraba branca), que aumenta a eficiência absortiva dos enterócitos. Outro ingrediente que melhora a digestibilidade são os F.O.S. (fruto oligo sacarídeos), que alimentam a microbiota intestinal, ou seja, beneficia o crescimento de “boas bactérias” no intestino, o que leva a uma melhor fermentação do bolo alimentar.

Marcas de ração super premium
– Eukanuba
– Cibau
– N&D
– Royal Canin
– Hill’s
– Proplan
– Golden e Premier Pet
– Equilíbrio
– Ciclos
– Huggy
– Premiatta

Resumindo, quando compramos uma ração, devemos estar atentos aos níveis de garantia (percentuais de proteína, gordura, etc. ) e a qualidade dos ingredientes. Por exemplo, uma ração para cachorro deve ter, no mínimo, 18% de proteína. O que é relativo porque carne é fonte de proteína e pena da galinha também. Carne é bem mais digerível que pena. Outro detalhe é o equilíbrio entre percentuais de proteína e gordura. Não é eficiente uma ração com 30% de proteína e 8% de gordura, nem outra com 18% de proteína e 20% de gordura. Cachorros com problemas renais não podem ingerir muita proteína. Sempre converse com seu veterinário antes de escolher uma ração pro seu cachorro.

Um quarto grupo de rações pode ser citado, as rações terapêuticas. Têm indicação clínica sendo auxiliares no tratamento de diversas enfermidades. Seu uso deve obedecer aos critérios do Médico Veterinário responsável pelo cão.

curtir 5

Dica para evitar aquele bafo dos peludinhos!!!

cao.jpg

curtir 24

Infográfico legal sobre frutas que seu cãozinho pode comer

Bom dia.
Eu encontrei essa figura na internet, que mostra quais frutas podem ser dadas para seu animalzinho.
Fiquei surpreso com o fato de melão não ser uma fruta 'permitida', pois quase todo dia de manhã ele come melão rs

10154538_665253796876654_5142467341109729723_n.jpg

curtir 22